Canal do Búfalo
ATENÇÃO:

Alguns sites clandestinos tentam associar indevidamente suas imagens ao nosso fórum. Não temos relação com nenhum site exceto os que estão na barra lateral direita do fórum, na área de "Blogs Parceiros".

Caso tenha visto algum tentando associar a imagem do fórum a assuntos asquerosos como pedofilia e estupro, fiquem avisados que esta informação é TOTALMENTE FALSA.

Atenciosamente,
Canal do Búfalo.
Navegação
 Índice
 Ir para o blog
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Últimos assuntos
» [Relato] Camarada pegou porra alheia e não achou nada demais!
Qui Out 13, 2011 10:14 pm por Smith

» O VELHO SAMBA ADERINDO A REAL .
Sex Out 07, 2011 3:40 am por Smith

» [Fixo] (Download) BackUp Da Real(PDF)
Sex Out 07, 2011 3:39 am por Smith

» Procuro ela ou não?
Sex Out 07, 2011 3:39 am por Smith

» Dossiê Vivi Facada!
Sex Out 07, 2011 3:35 am por Smith

» AS MULHERES MAIS GOSTOSAS DO BRASIL PARTICIPAM DO SWING DO PRAGA.
Sex Out 07, 2011 3:30 am por Smith

» [+18] A mulher mais gostosa que ja vi.
Sex Out 07, 2011 3:26 am por Smith

» Menino inicia tratamento de mudança de sexo aos 8 anos
Sex Out 07, 2011 3:25 am por Smith

» Aniversário do fórum
Sex Out 07, 2011 3:24 am por Smith

Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada


A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por The Bo$$ em Qui Set 08, 2011 2:46 pm

Caros,
há um bom tempo conheci a Real e tratei de inserir no meu estilo de vida algumas mudanças para me manter fora da Matrix.
Acontece que aos poucos vamos "relaxando" nestas ações, o que pode nos levar devolta à matrix e, consequentemente, foder com a nossa vida novamente!!

Há alguns meses, após conhecer uma garota na qual me interessei (e comecei um relacionamento)e notando que dali poderia sair algo positivo, percebi que já não estava agindo como antes, ou seja, estava se iniciando um retrocesso no meu modo de agir perante as mulheres e, especialmente, em relação à menina na qual estava me relacionando.

Para meu bem, compreendi em tempo, de que tal mudança de comportamento estava me comprometendo.
Tratei de me afastar dela imediatamente e iniciei uma nova "imersão" na real, voltando a reler e compreender os textos, me policiando nas atitudes, etc.

Gostaria de saber de vocês o que vocês fazem para, se manterem na Real e evitar recaídas!
Quais atitudes seriam positivas para estarmos constantemente nos atentando à evitar cair nessa armadilha que é a Matrix?

Agradeço a todos.

Boss.

The Bo$$

Mensagens : 88
Data de inscrição : 13/04/2011
Idade : 28

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por Mateus Silva em Qui Set 08, 2011 3:18 pm

Acho que em todos nós já bateu a vontade de ter tomado a pílula azul, mas esse processo de querer voltar pra matrix é normal, até pq é difícil viver no mundo que enquanto vc diz uma coisa, todos ao redor estão dizendo ao contrário.
Mas a perseverança e a reflexão é importante, eu mesmo ao me deitar reflito sobre todo o meu dia, não me arrependo do que falhei, mas tomo como aprendizado, pra no outro dia não o fazer mais.
Na minha opinião, se arrepender (claro que o arrependimento também pode gerar uma ocasião em que não se erra mais, não entendam arrependimento de forma literal, eu apenas coloquei pq não soube de outra palavra melhor) das coisas gera culpa, ou seja, a culpa é um fator depressivo, então devemos apenas tomar os erros como aprendizado e não errar mais, é melhor do que se arrepender, se sentir culpado, mas depois acabar fazendo novamente. A culpa é um processo de paralisação da vida, que, ao invés de nos mover para consertar o que fizemos de errado, ela nos mantêm no amargor daquilo que nós fizemos de errado.
É basicamente isso que faço pra me manter estável em relação a matrix.

Mateus Silva

Mensagens : 53
Data de inscrição : 31/08/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por Poseidon em Qui Set 08, 2011 4:09 pm

Cara, o negócio é o seguinte, muitos de nós saímos de uma matrix, para entrar em outra, e nesta nova matrix nenhuma mulher presta, todas são falsas, mentirosas, desonradas, etc.

Não sei o seu caso, mas se sua mina for gente boa, qual o problema em ser legal com ela? Só não pode ser gentil demais, ou agradá-la demais. E também é preciso constantemente avaliá-la para ver se ela tá andando na linha. Se ela realmente for decente, então faça sua parte! Enquanto ela fazer a parte dela, ótimo!

O que eu noto é uma tendência derrotista de alguns de achar que todo relacionamento é furada*. O que eu acho é que com o conhecimento da real você tá mais preparado para evitar tais ciladas, porque vagabundas, por mais falsas e dissimuladas que sejam, deixam pistas. Se começar a sentir algo podre na sua namorada, não hesite e termine. Mas se notar tendências boas, então continue.

Só não pode é deixar a razão de lado e se iludir, criar falsas expectativas. Pé no chão sempre!


____

* Na verdade a real intenção destes é curtir a vida adoidado como as modernetes, e usam a real como desculpa.

Poseidon

Mensagens : 53
Data de inscrição : 22/08/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por Tio Peba em Qui Set 08, 2011 4:31 pm

Poseidon escreveu:
O que eu noto é uma tendência derrotista de alguns de achar que todo relacionamento é furada*.

* Na verdade a real intenção destes é curtir a vida adoidado como as modernetes, e usam a real como desculpa.

o grande problema que vejo nisso é que 90% das mulheres hoje não são sinceras e não prestam pra um relacionamento duradouro, ou mesmo pra formar familia.

sim existem uma grande quantidade de mulheres honradas, mas a maioria ja esta em um relacionamento, ou ainda não as encontramos. as modernetes e são na maioria das vezes jogadoras dissimuladas e não são fieis.

mas como tudo é lei da oferta e da procura, se tem mais modernetes do que sinceras, é por que a procura por mordenetes é maior. ou seja ta em nossas mãos, porem sera que todos sairiam da "matrix" da putaria comendo solta no mundo? ai eu penso, putz eu dificilmente sairia hoje da putaria, apenas se encontrasse uma entre as 10% de mulheres honestas.

é o que o silvio sempre falou, apartir da hora que os homens começarem a repudiar as vadias, a quantidade de mulheres honestas começara a crescer, mas pra isso deveria haver um esforço grande de meteção da real, e mudanças de atitudes, o que eu vejo que seria muito dificil de conseguir.

Tio Peba

Mensagens : 138
Data de inscrição : 18/10/2010
Localização : Parana

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por Poseidon em Qui Set 08, 2011 4:59 pm

Tio Peba escreveu:
Poseidon escreveu:
O que eu noto é uma tendência derrotista de alguns de achar que todo relacionamento é furada*.

* Na verdade a real intenção destes é curtir a vida adoidado como as modernetes, e usam a real como desculpa.

o grande problema que vejo nisso é que 90% das mulheres hoje não são sinceras e não prestam pra um relacionamento duradouro, ou mesmo pra formar familia.

sim existem uma grande quantidade de mulheres honradas, mas a maioria ja esta em um relacionamento, ou ainda não as encontramos. as modernetes e são na maioria das vezes jogadoras dissimuladas e não são fieis.

mas como tudo é lei da oferta e da procura, se tem mais modernetes do que sinceras, é por que a procura por mordenetes é maior. ou seja ta em nossas mãos, porem sera que todos sairiam da "matrix" da putaria comendo solta no mundo? ai eu penso, putz eu dificilmente sairia hoje da putaria, apenas se encontrasse uma entre as 10% de mulheres honestas.

é o que o silvio sempre falou, apartir da hora que os homens começarem a repudiar as vadias, a quantidade de mulheres honestas começara a crescer, mas pra isso deveria haver um esforço grande de meteção da real, e mudanças de atitudes, o que eu vejo que seria muito dificil de conseguir.

Tá certo isso o que você falou, mas você acha que um cara com um nível elevado de discernimento, que já leu os blogs da real e a coleção de Nessahan Alita, não vai saber identificar mulheres boas, ou não vai saber contornar os joguinhos psicológicos (que não são por maldade, mas toda mulher faz, inclusive minha mãe)?

Agora achar que a maldade é característica inerente da mulher, e que os homens são uns pobrezinhos coitados, ou que não existe "mulher exceção" aí é forçar a barra por parte de alguns. É sair de uma matrix pra entrar em outra. Primeiro que não existe mulher exceção nem homem exceção, todo mundo que é humano tá sujeito a cometer erros. Eu acho que o mal-caratismo é generalizado e independente de gênero. Do mesmo jeito que tem muita vadia manipuladora por aí, tem muito mangina fdp, ou matrixiano falso-bonzinho hipócrita. Tá todo mundo virando filho da puta e hedonista, e isso não é coisa só de mulher.

Mas é óbvio que dá pra achar mulher que presta, eu mesmo conheço algumas. Aí você vai dizer "como você pode ter certeza que prestam mesmo?". Ah, cara, foda-se! Eu vou dar mais moral a alguém que eu convivo e conheço ou pra um falastrão de internet? A namorada do meu melhor amigo, eu conheço ela faz um tempão, e ela é educada pra caralho, tem bons valores, tem uma vontade da porra de ser mãe... ou seja, ela é sim uma boa mulher. Ela é mais honrada do que mais que 95% dos caras do fórum Homens Honrados!

Bom, era isso que eu tinha pra dizer.

Poseidon

Mensagens : 53
Data de inscrição : 22/08/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por Tio Peba em Qui Set 08, 2011 5:10 pm

Poseidon escreveu:
"como você pode ter certeza que prestam mesmo?"

voce falou tudo, pra ter certeza que as pessoas prestam tem que conviver, pra isso existe o "namoro", tive tres namoros, e voce so conhece as verdaderas intencoes e atitudes das pessoas depois de um graaaaaaande tempo juntos. assim como o mesmo caso a mulher vai conhecer o cara, se ele é um cafageste ou um homem honrado depois de um tempo de namoro,

e não é so em namoros que o tempo é chave pra tudo, amigos, agente faz com o tempo, colega voce tem demais, mas amigos leva um grande tempo pra voce fazer, pra confiar em uma pessoa.

Tio Peba

Mensagens : 138
Data de inscrição : 18/10/2010
Localização : Parana

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por Capitão em Qui Set 08, 2011 6:14 pm

Para meu bem, compreendi em tempo, de que tal mudança de comportamento estava me comprometendo.
Tratei de me afastar dela imediatamente e iniciei uma nova "imersão" na real, voltando a reler e compreender os textos, me policiando nas atitudes, etc.

Gostaria de saber de vocês o que vocês fazem para, se manterem na Real e evitar recaídas!
Quais atitudes seriam positivas para estarmos constantemente nos atentando à evitar cair nessa armadilha que é a Matrix?


Você mesmo respondeu sua pergunta...

Antigamente você não percebia que estava errando, agora já tem experiência e abilidades para perceber quando o processo esta acontecendo.

Parabens, isso se chama evolução de aprendizado, tu esta no caminho certo, continue assim.

Capitão

Mensagens : 776
Data de inscrição : 11/01/2011
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por pragakham em Qui Set 08, 2011 6:43 pm

Isso aconteceu comigo tambem, mesmo depois de tanto tomarocks em minha cabeça, fiquei esperto sempre olhando pra cima mesmo assim , a um tempo atras tive uma queda por uma vaquinha, parecia um docinho de coco, um cuti cuti, olhar angelical, sapatinho de bailarina, tocava piano, falava baixo, independente, gostava de coisas da roça, moda de viola, carros antigos, pensei vo deixar uma brecha para este corpo, e fui amaciando a carne pra ver, ate minha atitude de enfiar no docinho de coco, ficou calmo, nisso agindo como lobo na pele de cordeiro, fui levando e levando pra ver onde ia ,não dando sopinha na boca da boneca, nem danoninho, com o tempo senti que estava sendo amarrado pelo dedão do pé, e quando vamos ver , ja estamos atolado ate ao pescoço, então freei , e começei a ver ela como um corpo,, nisso a mesma começou a colocar as garras pra fora, ja senti o cheiro de merda no ar, estilo inocente chupando sorvete, olhei pro ceu e falei quem nao quer ver estrela que nao olhe pro ceu, o caralhooooooooo vo respeitar essa perva mais não , sentei a mão na parachoque coloquei a primeira e acelerei ate o fundo, dei um INTIMATO nela de cara , isso e muito importante para cortar o efeito de matrix no ar, aquele cheiro feito fumaçao de cigarro, no susto , com o intimato, pude sentir e ver, quem realmente estava dentro daquele corpo branco e mamilos rosas, saiu dali uma perva tipo aqueles jacarezinhos quando sai do ovo , querendo morder , e com as garras ja mostrando o rabo, rapidamente me esquivei e voltei a posição , tomei a bordoada pra acordar rapidamente e vi mais uma vez que era furada mexer com o jacarezinho angelical, o intimato ajuda muito a mostrar a perva que voce tem tipo aquelas que gostam de enrrolar deixar o cara no banho maria, para que o mesmo se descabele, e caia rapidamente na matrix , voltei ao ser pragakham, encorporei as forças de monnraaa, e lançei sobre ela o veneno de praga, rss, não perdoei um minuto, ja tratando a mesma como um corpo sujo que precisa de um banho, tive que ser o cafa , nao tem jeito e o troco com mesma moeda , pois tenho que vencer para comer se nao passo fome, nisso ao tontear a jacarezinho caiu feito pena no colchão, tomo logo uma lambida na buceta e uma dedada no cu pra aprender ser ordinaria, pena que no cuzinho ela não deixo, mar nos mamilos e na buceta, aproveitei feito menino pequeno com fome e sede, depois da enrraba, mandei ela pro inferno, não quis saber mais da mesma , pois no tempo pensando essa e de qualidade, mostrou-se com as garras de fora, um corpo qualquer então teve que passar pelo teste, voltei ao mesmo normal tratando a como uma qualquer , aquele doce que era comigo , ja não mais era que um amargo no ceu da boca, perdeu o encanto a vadia, o brilho cessou , e ainda veio com a cobrança me dizendo que eu tinha um bom coraçao so que não ha tratava do modo que ela merecia, depois de um tempo, ela sumiu pro inferno nao sei onde foi parar, no dia que me liga , dizendo que estava indo embora para outro lugar que queria me ver, eu com o peito cheio de ar, feito pombo, pelo telefone disse no seco, pode ir , vai em paz, falei com toda certeza e orgulho sem pingar uma gota , e no outro lado do telefone fazendo ar de menina moça apaixonada e chorando dizendo que queria me ver e precisava despedir de mim , pensei isso e coisa de boiola macho nao precisa de despedida precisa de um novo começo , um novo corpo, esqueci dela rapidamente, a pouco tempo encontro com ela pela net, e veio me dizer um monte de merda , que nao teve coragem de dizer pessoalmente , agora quer voltar, disse em tom claro nao volte , pois voce ja gastou a sola da buceta e agora que voltar me trazendo coisa usada , ahhhh va pro inferno espertinhas , vão dar o rabo toda alegrinha, depois que se fodem vem correr pro braço do papai, se cair na minha mão de novo vai virar puta , e ponto final . essa e a revoluçao pos matrix, acabou-se o que era doce, agora e pimento no lugar do açucar, não de moral mais a nenhuma, essa tive paciencia e estudo, o tempo e o melhor aliado nestas horas ,a vaquinha e esperta, vem com o doce pra depois meter sal no olho da gente, vai levar no rabo triplicado ,mas se ela quiser dar o butao rosa dela como numa boa.

pragakham

Mensagens : 813
Data de inscrição : 21/11/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por darkdruid em Qui Set 08, 2011 9:40 pm

Boss, vou assumir, ainda estou com um pe dentro da matrix, tive um caso fora do casamento e cai nas garras da vadia, nao sei como, ou ate sei, acho q no fundo fui eu q entrei d cabeca... mas foi justamente qdo tava mais atolado comecei a procurar uma ajuda silenciosamente (ninguem nunca soube d nada, nunca fui pego), e foi qdo conheci a real, NA e o forum do Silvio. Impressionante como cada relato do Silvio, cada pagina dos livros de NA e muitos relatos dos camaradas aqui do forum se pareciam com minha historia! Eh impressionante como as mulheres de hoje sao iguais! todas agem igual! mas voltando, ainda to com um pe dentro pois penso nessa desgracada todos os dias. So tem um detalhe: ha 2 meses pus um fim nisso e nunca mais a vi desde entao. E queria q os amigos aqui soubessem q me mantenho firme e a forca vem das leituras do Nessahan e dos posts da galera aqui... Se vc ache alguem legal nao tem problema em se relacionar, mas seja DESAPEGADO! essa eh a chave. Quem gosta menos eh quem domina a relacao!

darkdruid

Mensagens : 145
Data de inscrição : 05/08/2011
Localização : Recife

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por Mateus Silva em Sex Set 09, 2011 7:18 am

Este link, de um site de gnose, possivelmente seguida por N.A., pode ajudar vcs a alcançarem a tão dita "Morte dos Egos!".
http://essenciagnostica.blogspot.com/2009/11/morte-do-ego-recomendacoes.html
Eu consegui aos poucos me desapegar das coisas através dessa leitura. DESAPEGO, essa sim é a chave da felicidade.

Mateus Silva

Mensagens : 53
Data de inscrição : 31/08/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por pragakham em Sex Set 09, 2011 8:22 am

Para desapegar, deve-se pegar o penis, amacia-lo, pegar uma vagina ou anus, ou boca,colocar no centro , encaixar enrroscar, seguir 2 passos a frente e 2 passos atras
fazer este movimentos varias vezes repetidamente, ate alcançar a temperatura ideal para que o motor esquente, assim que começar a fabricar garapa, e com o suor da garapa ira fabricar a pinga, quando suar, deixar caixar no corpo (copo) e da pra degustadora provar.
Receita do melhor desapego . podem experimentar voces vao gostar.

pragakham

Mensagens : 813
Data de inscrição : 21/11/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por pragakham em Sex Set 09, 2011 8:36 am

Mateus Silva escreveu:Este link, de um site de gnose, possivelmente seguida por N.A., pode ajudar vcs a alcançarem a tão dita "Morte dos Egos!".
http://essenciagnostica.blogspot.com/2009/11/morte-do-ego-recomendacoes.html
Eu consegui aos poucos me desapegar das coisas através dessa leitura. DESAPEGO, essa sim é a chave da felicidade.


Ops Como vai Matheus , poxa otimo texto, toda criança deveria tomar uma palmada desta no bumbum.
E como um projetil 9mm, simples , curto, direto, impacto alto, aquele que pratica a leitura, se forma .
Um grande abraçao matheus .

pragakham

Mensagens : 813
Data de inscrição : 21/11/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por Dr. Mandrake em Sex Set 09, 2011 10:00 am

É aquela coisa, quem não viveu tem que viver. Quem nunca namorou, vai acabar namorando.

O problema não está em namorar ou não, e sim ser feito de besta. Depois da Real, homem que se perder em um relacionamento fixo, é um paspalho. Primeirro erro, pula fora. Simples.

E depois que acabar, não tem que ficar chorando pelos cantos. E vir aqui desabafar.


Nós que somos mais velhos, e já experimentamos, alguns até mais; como é o caso de Capitão, Navarre, Praga; já ficamos calejados com a cartilha do relacionamento fixo. Portanto, no meu caso e no caso do pragakahm, acredito, não é viável relacionamento fixo por agora.

Mas isso não impede que daqui alguns anos, ou décadas, nós mudarmos de postura.

Tá tudo explicadinho ai. Como é a psique feminina. Como devemos nos portar. Como é a dinamica do relacionamento.

Então é só vc se impor e não deixar que seu PENIS te controle. Não pode deixar que a carência por afetos lhe domine.

O homem que se deixa dominar pelo apaixonamento, pela carência e pelo próprio pênis, sairá derrotado.

Eu sei que mtos de vcs são carentes e necessitam de afeto. Nunca tiveram ou pouco tiveram afeto feminino, então tem esse medo de voltar para matrix, qdo encontrar uma mulher que preencha essa lacuna.

Se vcs não se controlarem serão escravizados pelo seu instinto.

Prestem atenção.




Dr. Mandrake

Mensagens : 554
Data de inscrição : 18/10/2010
Idade : 34
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por Dr. Mandrake em Sex Set 09, 2011 10:09 am

Vocês não podem ficar desesperados e começarem a se relacionar com a primeira mulher que aparece. Dai vai correndo ler todo o conteudo da real, com medo de se perder. PORRA! Quanta insegurança!!!




Dr. Mandrake

Mensagens : 554
Data de inscrição : 18/10/2010
Idade : 34
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por pragakham em Sex Set 09, 2011 10:46 am

Dr. Mandrake escreveu:É aquela coisa, quem não viveu tem que viver. Quem nunca namorou, vai acabar namorando.

O problema não está em namorar ou não, e sim ser feito de besta. Depois da Real, homem que se perder em um relacionamento fixo, é um paspalho. Primeirro erro, pula fora. Simples.

E depois que acabar, não tem que ficar chorando pelos cantos. E vir aqui desabafar.


Nós que somos mais velhos, e já experimentamos, alguns até mais; como é o caso de Capitão, Navarre, Praga; já ficamos calejados com a cartilha do relacionamento fixo. Portanto, no meu caso e no caso do pragakahm, acredito, não é viável relacionamento fixo por agora.

Mas isso não impede que daqui alguns anos, ou décadas, nós mudarmos de postura.

Tá tudo explicadinho ai. Como é a psique feminina. Como devemos nos portar. Como é a dinamica do relacionamento.

Então é só vc se impor e não deixar que seu PENIS te controle. Não pode deixar que a carência por afetos lhe domine.

O homem que se deixa dominar pelo apaixonamento, pela carência e pelo próprio pênis, sairá derrotado.

Eu sei que mtos de vcs são carentes e necessitam de afeto. Nunca tiveram ou pouco tiveram afeto feminino, então tem esse medo de voltar para matrix, qdo encontrar uma mulher que preencha essa lacuna.

Se vcs não se controlarem serão escravizados pelo seu instinto.

Prestem atenção.






Sem comentarios Mandrake tu e a voz da sabedoria!! Real direto no rins .

pragakham

Mensagens : 813
Data de inscrição : 21/11/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por darkdruid em Sex Set 09, 2011 10:49 am

Meteu a real no meio das fuças, feito Silvio Koerich.

:bull:

darkdruid

Mensagens : 145
Data de inscrição : 05/08/2011
Localização : Recife

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por Dr. Mandrake em Sex Set 09, 2011 10:57 am

The BoSS, veja isso:

http://www.doutrinador.com/2011/09/precaucoes-importantes-ao-se-relacionar.html

Dr. Mandrake

Mensagens : 554
Data de inscrição : 18/10/2010
Idade : 34
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por Dr. Mandrake em Sex Set 09, 2011 11:04 am

Valeu Praga!
Mas o mestre aqui é VC ! kkkk

Grande abraço

Dr. Mandrake

Mensagens : 554
Data de inscrição : 18/10/2010
Idade : 34
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por pragakham em Sex Set 09, 2011 11:41 am

Nada Mandrake somo uma legião feita em um pensamento só. Real e justo.
Que as vacas vá pro brejo , quando malfeitoras. rss.
grande abraçao!!!.

pragakham

Mensagens : 813
Data de inscrição : 21/11/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por Solid Snake em Sex Set 09, 2011 12:11 pm

Mandrake e Pragakham como sempre destruindo tudo com suas reais irrefutáveis.

A matrix está em todas as áreas de nossas vidas, cabe a nós mergulhar neste desafio e sair vencedor.

Ao meu ver o melhor jeito de estar sempre acima da matrix é praticando a morte do ego, não há melhor maneira, nossas vontades devem ser revistas, não devemos agir por impulso, devemos avaliar a nossa situação friamente antes de tomar qualquer atitude.

Outra coisa é, não depender de fórum de internet para ficar fora de matrix, e se voce por acaso ficar sem internet, ter que viajar a trabalho e ficar anos sem acesso? Vai usar isso como desculpa para uma recaída? O negocio é internalizar a real no dia a dia e não ficar igual a um cientista louco lendo e lendo ate não aguentar mais.

Desapego é essencial.

Solid Snake

Mensagens : 18
Data de inscrição : 05/08/2011
Localização : Curitiba - Paraná

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por Capitão em Sex Set 09, 2011 6:58 pm

Dr. Mandrake escreveu:É aquela coisa, quem não viveu tem que viver. Quem nunca namorou, vai acabar namorando.

O problema não está em namorar ou não, e sim ser feito de besta. Depois da Real, homem que se perder em um relacionamento fixo, é um paspalho. Primeirro erro, pula fora. Simples.

E depois que acabar, não tem que ficar chorando pelos cantos. E vir aqui desabafar.


Nós que somos mais velhos, e já experimentamos, alguns até mais; como é o caso de Capitão, Navarre, Praga; já ficamos calejados com a cartilha do relacionamento fixo. Portanto, no meu caso e no caso do pragakahm, acredito, não é viável relacionamento fixo por agora.

Mas isso não impede que daqui alguns anos, ou décadas, nós mudarmos de postura.

Tá tudo explicadinho ai. Como é a psique feminina. Como devemos nos portar. Como é a dinamica do relacionamento.

Então é só vc se impor e não deixar que seu PENIS te controle. Não pode deixar que a carência por afetos lhe domine.

O homem que se deixa dominar pelo apaixonamento, pela carência e pelo próprio pênis, sairá derrotado.

Eu sei que mtos de vcs são carentes e necessitam de afeto. Nunca tiveram ou pouco tiveram afeto feminino, então tem esse medo de voltar para matrix, qdo encontrar uma mulher que preencha essa lacuna.

Se vcs não se controlarem serão escravizados pelo seu instinto.

Prestem atenção.




Épico...

Capitão

Mensagens : 776
Data de inscrição : 11/01/2011
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A incrível (e díficil!) arte de se manter fora da matrix

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 1:03 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum