Canal do Búfalo
ATENÇÃO:

Alguns sites clandestinos tentam associar indevidamente suas imagens ao nosso fórum. Não temos relação com nenhum site exceto os que estão na barra lateral direita do fórum, na área de "Blogs Parceiros".

Caso tenha visto algum tentando associar a imagem do fórum a assuntos asquerosos como pedofilia e estupro, fiquem avisados que esta informação é TOTALMENTE FALSA.

Atenciosamente,
Canal do Búfalo.

O que essas vadias de hoje em dia querem dizer com "PEGADA"

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O que essas vadias de hoje em dia querem dizer com "PEGADA"

Mensagem por Convidad em Dom Abr 24, 2011 8:27 pm

TEORIA DA “PEGADA”

Incrível artigo científico que explica, de modo claro e objetivo, a forma ridícula de controle feminino sobre a abordagem masculina como meio de compensação de suas carências e frustrações pela insatisfação de suas exigências insanas!


INTRODUÇÃO

O termo “pegada” ficou comum na internet, mas é na verdade um dos exemplos da arrogância da nova geração das mulheres brasileiras. A idéia de pegada representa culturalmente o nível de exigência das brasileiras nos relacionamentos!

Embora muitos homens participem de comunidades que falam de pegada no Orkut, a cultura em torno da pegada é exclusivamente feminina, pois ela representa o domínio feminino nos relacionamentos e o poder de barganha delas!


I - O QUE É A “PEGADA”?

O que é a pegada? Há muitas definições informais por aí! Alguns fazem uma interpretação literal da pegada e entendem a pegada como pegar a mulher com força, ou melhor, apertá-la. Outros entendem a pegada como um comportamento sexual acentuado. Outros entendem pegada como um comportamento que facilita o sexo. Outros entendem pegada como sexo com força.

Enfim, há muitas definições informais de pegada. A “minha” definição é um pouco mais ampla e engloba várias das definições acima! A pegada é a manifestação comportamental do desejo sexual de uma forma mais intensa do que a esperada ou usual! Em outras palavras, a pegada é um comportamento de conotação sexual mais intenso, performático e exagerado do que o comportamento comum, padrão, esperado normalmente num determinado contexto.


II - O QUE AS BRASILEIRAS PRETENDEM QUANDO EXIGEM A “PEGADA”?

A idéia de pegada representa para as mulheres: diversão, entretenimento e a afirmação do valor da mulher através da sua valorização “exagerada”! Ou seja, a mulher exige a pegada do homem porque ela se sente entretida e valorizada por esse comportamento, uma vez que a pegada é a demonstração de desejo sexual masculino num nível acima do normal e isso demonstra que a mulher é mais desejada e atraente do que as outras mulheres! Não somente isso, a pegada é uma demonstração do poder feminino, pois demonstra que a mulher usa o homem na direção que ela quer e que o controla sexualmente!

A mulher exige pegada do homem, porque quer provas de que ela é atraente, gostosa e desejável. Ela também faz isso para provar o quanto é capaz de reivindicar dos homens caprichos e mimos. O sucesso nessa reivindicação demonstra o valor dela e o poder de barganha dela!

Numa cultura onde as mulheres reivindicam “pegada” dos homens, elas estão afirmando a seguinte coisa :

Nós exigimos pegada de vocês, pois os controlamos sexualmente e queremos que vocês saciem nossas vaidades!

Os homens que acham essa cultura da “pegada” legal e divertida, na verdade estão apoiando o complexo de superioridade das mulheres brasileiras e estão “alimentando” o ego dessas mulheres! A idéia de pegada foi criada pra agradar exclusivamente a mulher! Em nenhum momento, elas estão reivindicando a pegada dos homens para agradar os homens!


III - O CONTROLE FEMININO DOS RELACIONAMENTOS E A “PEGADA”!

A idéia de pegada é a demonstração do poder de controle das mulheres nos relacionamentos! Um relacionamento fundamentado na visão feminina de pegada é um relacionamento que segue um modelo paranóico de relacionamento! Esse modelo é o terror dos homens!

A razão disso é simples! A pegada não é algo que as mulheres exigem em todas as circunstâncias! Elas exigem pegada num momento preciso e num contexto preciso! Ou seja, isso dá o controle dos relacionamentos totalmente para as mulheres, pois os homens (betas) ficam paranóicos e sem saber o que fazer para agradá-las!

Vou dar um exemplo para ficar mais fácil. Quando um homem sai com uma mulher, ele deverá exercer a pegada no momento certo, mas esse “momento certo” ele não sabe de antemão, pois ele existe somente na cabeça da mulher! Um beta, que demonstre a pegada no momento errado, será rejeitado como um tarado repulsivo, pois para a mulher, ele demonstrou a pegada no momento errado! Já o cafajeste, se passar do ponto com a pegada dele, poderá traumatizar a mulher.

Ou seja, não é tão fácil e tão simples exercer a pegada, pois o que elas entendem como pegada faz parte de um modelo paranóico no qual elas decidem com quem, quando e aonde a pegada tem que ocorrer!

Se as mulheres brasileiras exigem muita pegada, isso apenas demonstra que elas são umas das mulheres mais arrogantes do mundo. Ou seja, para elas, os brasileiros são tão limitados, banais e inferiores, que precisam agradá-las e entretê-las de acordo com todos os caprichos detalhistas delas!


IV - A EXPRESSÃO DA “PEGADA” NA SEDUTOLOGIA!

A idéia de pegada não é exclusiva das brasileiras, ela existe no mundo inteiro! É claro que as versões estrangeiras são diferentes! O que eu quero dizer é que a pegada das estrangeiras não é tão massificada culturalmente numa idéia, mas sim num conjunto de comportamentos.

Enquanto a brasileira traduz a pegada como a necessidade de ser desejada num nível acima do normal, as estrangeiras traduzem isso como a permissão para um comportamento mais sexual, sem que ela se sinta usada ou invadida!

Ou seja, a pegada das estrangeiras é uma concessão, uma permissão para comportamentos sexuais mais exagerados e intensos. Os sedutores sabem disso! Para eles não é suficiente romper as defesas femininas, é preciso ter um comportamento diferenciado após isso.

No método do sedutor Mystery isso fica bem claro! Mystery expõe o jogo da sedução como um conjunto de passos muito sutis, no qual qualquer erro pode anular todo o processo. Ele expressa justamente a sedução do ponto de vista da arrogância feminina. Mystery não luta pra mudar a natureza feminina, pois o seu método já é uma adaptação a ela!

O que Mystery fez foi mapear o sistema paranóico de exigências femininas. Ele criou um modelo que é um atalho para os homens que não entendem o modelo arrogante e paranóico de relacionamento das mulheres.

Entretanto, Mystery entendeu da natureza feminina aquilo que era o suficiente pra levá-las para cama! Mas ele não mapeou o sistema paranóico de relacionamentos das mulheres em casos mais abrangentes como relacionamentos de longo prazo!

A pegada no método de Mystery é expressa da seguinte forma: O homem precisa exercer a pegada quando o ciclo de sedução estiver completo! Ou seja, quando a mulher já estiver seduzida, é nessa situação que se deve exercer a pegada! Se o homem exerce a pegada antes da hora, ele destrói o processo de sedução e ativa a “defesa anti-vadia” da mulher (slut anti-defense).


V - A PEGADA COMO CONDIÇÃO DO RELACIONAMENTO!

Para muitas mulheres, a pegada é uma condição necessária para um relacionamento. Isso acontece porque elas não possuem interesse nos homens e os acham banais e chatos. A pegada é uma forma de tornar algo insuportável para mulher, interessante e divertido.

O homem diverte a mulher com uma manifestação de desejo sexual intenso por ela. Para a mulher, o homem só é interessante na medida em que diverte a mulher e a entretem. A mulher não gosta do homem em si, mas daquilo que ele oferece a ela em termos de diversão e entretenimento. Pois as mulheres pensam que a principal função do homem é proporcionar prazer psicológico e satisfazer as necessidades das mesmas!

As mulheres estão exigindo cada vez mais pegada, porque o complexo de superioridade delas está cada vez maior. Por isso o nível de diversão que os homens estão apresentando nos relacionamentos é insuficiente para elas. Elas exigem mais e mais compensações para suportar o relacionamento com os homens.

As mulheres atuais usam os homens com objetivos totalmente lúdicos. Para elas, os homens precisam agradá-las o tempo inteiro. E a pegada é isso. A pegada é o videogame das mulheres! A pegada é aquilo que as mulheres exigem pra tornar suportável e divertido, algo que inicialmente é desinteressante e banal para elas.


VI - A PEGADA COMO AFIRMAÇÃO DO SENTIMENTO DE SUPERIORIDADE DA MULHER!

Outra coisa fundamental da teoria da pegada, é que a mulher exige do homem a afirmação do sentimento de superioridade dela. A mulher, por mais limitada que ela seja, exige pegada dos homens. Isso prova que elas possuem um profundo complexo de superioridade. A mulher não mede a pegada a partir do quanto ela é bonita ou não. Isso é uma característica da natureza feminina.

A mulher mais limitada exige pegada, porque ela quer afirmar a superioridade dela através controle sexual do homem. Exigir pegada do homem, além de ser uma forma de controle, é também uma forma de demonstração de poder num relacionamento. Ou seja, a mulher mais limitada quer se sentir muito gostosa e desejada, porque isso afirma o profundo sentimento de superioridade que ela possui e afirma o poder de barganha dela num relacionamento!


VII - “PEGADA” DOS ALFAS X BETAS

As mulheres exigem pegada porque acham insuportável o relacionamento com um homem mais limitado do que elas. Os alfas são menos limitados do que os betas e por isso, eles parecem dignos de relacionamento para as mulheres. Elas aliviam as exigências de pegada diante dos alfas!

Pegada do alfa:
O que ela representa para as mulheres: Para as mulheres a pegada do alfa é a confirmação do “alfismo” do mesmo.

Observação: Em muitos relacionamentos, o alfa é dispensado da função de ter pegada!

Pegada do beta:
O que ela representa para as mulheres: Para as mulheres a pegada do beta é uma forma de compensação para inferioridade dele, mas ela pode ser aversiva no contexto errado!

Observação: O beta quase nunca é dispensado da função de ter pegada num relacionamento.

A pegada do alfa é uma confirmação do “alfismo” dele. Para muitas mulheres, o alfa está dispensado da função de ter pegada, pois o que ele já oferece é suficiente para a mulher.

A mulher não entende a diferença entre prazer físico e psicológico, pois a presença ou a ausência da pegada do alfa na cama, muitas vezes geram os mesmos efeitos! Isso acontece, porque o simples fato delas transarem com alfas, já dá um intenso prazer psicológico para elas e para muitas, isso já é suficiente!

O alfa que tem pegada na cama dá prazer psicológico extra para as mulheres. Ou seja, a sensação delas de dominação de alfas é maior ainda. A pegada do alfa confirma o “alfismo” que ele já tem e cria impressões ainda mais fortes e impressionantes na mulher!

A ausência de pegada do alfa é tolerada na medida em que o alfa compensa essa ausência com outros fatores, como beleza, fama, riqueza, destaque social. Se o alfa não tiver pegada e não compensar essa ausência com outros elementos de “alfismo” que sejam suficientes para a mulher, então ele se tornará um beta!

Na maioria dos casos, a mulher é indiferente à condição do alfa ter ou não ter pegada, pois são elas que se esforçam pra agradá-los com medo de perdê-los e não o contrário! A mulher diante de um alfa se preocupa muito pouco com o prazer sexual em si, pois ela fantasia inúmeras vantagens sociais ao lado do alfa! Mas certamente, a idéia de exigir pegada dos alfas, é ainda atraente para a mulher, pois isso é a maior prova de poder das mulheres. A mulher que consegue pegada e favores sexuais de um alfa, somente com a passividade e sem qualquer esforço, sem dúvida alguma, demonstra ter um grande poder sexual. Mas na maioria dos casos, isso é pura ilusão, pois elas usam os alfas quase sempre pra finalidades sociais. Elas usam os alfas num contexto teatral, apenas como uma forma de demonstração de poder sexual.

Para a mulher, o grande prazer de dominação de alfas, está na demonstração disso perante um público, seja ele (o público) real, ou virtual. E mesmo, nas situações de amor clandestino, a mulher ainda sente um glamour, mesmo que o público seja somente virtual! A maior prova disso são as mulheres que se orgulham de serem amantes! Existe até uma comunidade no Orkut com o seguinte título: “Sou amante e daí!” Ou seja, não importa, se elas são titulares, ou reservas, ter um alfa é mais importante para elas do que a honra. Isso demonstra a importância que a sexualidade tem na vida das mulheres, pois a sexualidade para elas é até mais importante do que o certo e o errado!

Há sempre na mente da mulher, a expectativa da exposição do amante, ou do amor clandestino como uma prova do valor dela. E mesmo as mulheres que amam bandidos, se sentem valorizadas nessa situação, pois para elas, o poder do bandido é um status, que tem valor, pelo menos, para um público que só existe na cabeça da mulher!

Ou seja, a própria teatralização da conquista de alfas se torna um fim em si mesmo para a mulher e todas as outras conseqüências positivas para a mulher, como pegada, prazer físico, mimos, presentes, viagens, são “extras” que comprovam ainda mais o poder de dominação da mulher.

A pegada do alfa é um extra, o próprio exercício de dominação de alfas, com ou sem pegada, já dá um intenso prazer psicológico para as mulheres.

O alfa que tem pegada oferece mais do que foi pedido! Quantas vezes você já viu mulheres apaixonadas por homens que não davam muito prazer sexual para elas? Isso é o poder de um alfa! A mulher tolera coisas absurdas dos alfas, porque a ilusão de dominar um homem poderoso e de alto valor social é extremamente importante para elas.


VIII - A “PEGADA” E A CARÊNCIA FEMININA!

As mulheres exigem pegada porque são carentes! Essa é a grande chave da questão! O que é carência feminina, senão a idéia de que os homens oferecem menos do que elas precisam?!

O interessante disso tudo é que as mulheres não se sentem carentes com os alfas e por isso elas aliviam um pouco as exigências de pegada diante deles.

Mas os betas, elas não perdoam! Ou seja, diante dos betas, as mulheres são super carentes! A pegada do beta tem a função de tentar aliviar a carência feminina! O comportamento padrão do beta é insuportável para a mulher. A mulher não preenche a carência dela se o beta demonstrar desejo sexual por ela através de comportamentos previsíveis e esperados! A mulher somente não se sente carente ao lado do beta, se o beta demonstrar desejo sexual por ela num nível muito exagerado, intenso, muito acima do esperado! Ou seja, tudo o que o beta faz pra agradar as mulheres, precisa ser com uma vontade, um vigor, uma energia muito maior do que a normalmente esperada para aquela situação.

A mulher diante de homens limitados, sente uma carência absurda, quase impossível de ser saciada, pois elas possuem a idéia de que possuem valor demais e que os homens não estão à altura desse valor! Quanto mais limitado é o homem, mais ele terá que se esforçar pra impressionar a mulher com um intenso desejo sexual! Se o beta não agir desse modo, a carência da mulher se tornará insuportável e ela irá sentir uma frustração aguda por estar com um homem limitado e não ser compensada de alguma forma dessa situação!

A mulher exige esse tipo de coisa do beta, só que ela não irá falar! Ela espera que o homem adivinhe que ela sente tal tipo de carência! Os homens muito românticos não preenchem a carência das mulheres. Pois elas esperam desejo sexual intenso deles e não carinhos limitados e previsíveis. Ou seja, elas esperam beijos fortes, apertões fortes e todo tipo de comportamento performático do homem!

O bonzinho, que fica só no carinho padrão, deixa a mulher ainda mais carente. Então ela o percebe como um homem que não tem pegada. Essa percepção é desastrosa para a mulher, pois o homem que não tem pegada e não tem status de um alfa, não dá o prazer psicológico que as mulheres tanto buscam!

A pegada é uma compensação para a falta de função social do homem! Ou seja, o homem que a mulher acha que não agrega muito valor social para ela, precisa compensar a falta dessa função social, com a pegada!

Eis a função da pegada dos betas: Compensar o pouco prazer psicológico que eles dão às mulheres! O beta tenta oferecer através da pegada a possibilidade de prazer psicológico que as mulheres naturalmente experimentam com os alfas.


IX - COMO AS MULHERES USAM AS EXIGÊNCIAS DE PEGADA PARA MANIPULAR OS BETAS!

A pegada exercida antes do momento certo é para muitas mulheres uma forte demonstração de insegurança, carência e ansiedade Mystery fala disso no método dele. Fora dos relacionamentos, a pegada do beta parece fake para as mulheres, pois é uma demonstração de pura ansiedade sexual. A mulher adora esse tipo de situação, pois assim, ela transforma o beta num pagador de contas e não sacia o desejo sexual dele para deixá-lo sempre na “fissura”!

Aliás, essa é a tática preferida das mulheres com os betas. Elas ativam o desejo sexual dos betas, mas nunca o satisfazem. Então, elas mantêm o beta num estado de ansiedade sexual contínuo. E muitos, por não serem esclarecidos, entendem essa ansiedade sexual como amor. O que muitos betas chamam de amor é pura vontade de fazer sexo com uma mulher! Por isso, muitos betas entram em pânico depois que casam, pois percebem que o amor deles era pura ansiedade sexual e que não havia nada além de desejo sexual pela mulher.

As mulheres reprimem a pegada dos betas fora dos relacionamentos, pra deixá-los apaixonados e prendê-los através da ansiedade sexual. Assim, a mulher excita o beta, mas sempre o mantém afastado. O objetivo disso é deixá-lo apaixonado, induzindo o homem apaixonado a um estado de ansiedade sexual contínuo!

Se uma mulher te excita o tempo inteiro e te mantém afastado ao mesmo tempo, então ela te vê apenas como um beta provedor. Ou seja, para ela você terá que viver se esforçando pra ser digno de um relacionamento com ela, pois a verdade é que você não é! Ela te manterá num contínuo estado de ansiedade sexual e jamais saciará o teu desejo.

A mulher coerente é radicalmente imparcial na relação com o desejo do homem. Uma mulher só é coerente quando é igualmente difícil diante de todos os homens! Se ela é fácil com o alfa e difícil com o beta, então ela é uma tremenda de uma trapaceira, visto que as mulheres que se entregam aos alfas nunca conseguem prendê-los através do sexo e terminam sempre com os betas!

As mulheres só desejam a pegada dos betas, depois de perderem todas as chances com os alfas! Assim, elas experimentam o glamour de escravizar um beta, exigindo deles, através da pegada, o prazer psicológico que os alfas davam a elas. Exigir pegada dos betas é apenas um exercício de poder feminino, que acaba sendo interessante para a mulher, quando não há muitos homens de alto valor social disponíveis para elas!

A pegada é apenas uma das muitas exigências que as mulheres fazem para compensar a intensa frustração que elas sentem, quando elas se relacionam com um beta! A pegada é algo que as mulheres exigem dos betas para amá-los, pois inicialmente os mesmos são insuportáveis e indignos do amor delas. Elas pensam isso, ainda que evitem usar essas palavras!

A pegada é sempre um “presente” do homem para a mulher! Raramente uma mulher terá pegada e isso ocorre porque a mulher quer ser agradada o tempo inteiro, mas não quer agradar!

Quando as brasileiras exigem pegada, elas estão falando exatamente isso:

“Vocês, brasileiros, são muito limitados e exigimos que vocês tenham pegada nos relacionamentos e nos desejem num nível exagerado, pois não gostamos de vocês e não os achamos atraentes, nem interessantes. Compensem as limitações absurdas de vocês, demonstrando intenso desejo sexual por nós através de atitudes e comportamentos exagerados.”

Ou seja, para a mulher brasileira, é impossível suportar a limitação do brasileiro, por isso ela exige mil coisas do brasileiro pra suportá-lo. As brasileiras percebem os brasileiros como homens de pouco valor social e por isso elas exigem tanto deles! Elas exigem “pegada”, mas exigem muitas outras coisas! Enquanto isso, os homens no Orkut que estão idolatrando as mulheres que defendem a idéia de pegada. Será que eles não entenderam que essas mulheres estão afirmando que eles são insignificantes?

Muitos brasileiros estão iludidos, achando que as mulheres que exigem pegada são liberais que gostam de sexo, quando na verdade, elas estão reclamando da falta de “alfismo” deles e estão exigindo descaradamente compensações para as limitações deles! Para as mulheres, quase todos os homens brasileiros são betas! A idéia de pegada se tornou tão massificada e importante para as brasileiras, que é impossível acreditar que elas levem os brasileiros a sério!


X - EXPLICAÇÃO DA “PEGADA” DO BETA

Já antecipei um pouco a idéia da pegada do beta ao falar da situação dos homens brasileiros e da carência feminina! A mulher exige pegada dos betas nos relacionamentos! Isso não é uma escolha, é uma exigência. Isto está claro por duas coisas:

1. Se você for beta e não tiver pegada, você certamente será abandonado.

2. O que os betas possuem é insuficiente para agradar as mulheres, portanto elas exigem a pegada deles como uma forma de compensar as limitações deles e até mesmo a “inferioridade” deles!

A pegada é apenas uma das muitas compensações para as limitações dos betas, que as mulheres exigem, mas além disso, elas exigem muitas outras coisas. Os relacionamentos hoje em dia terminam por esse motivo. A mulher se cansa das limitações do namorado ou do marido e simplesmente termina. Outras dizem que traíram ou largaram o marido, porque não se sentiam desejadas e amadas!

O amor feminino é atualmente ansiedade de “lucros” e vantagens. Se um beta não compensa de alguma forma as limitações dele, jamais a mulher que está com ele se sentirá amada! As mulheres jamais se sentirão amadas e desejadas em relacionamentos que elas acham desvantajosos! Além disso, elas acham que possuem valor demais e que a maioria dos homens não estão à altura desse valor!

Quando a mulher diz que traiu ou largou o homem, porque não era desejada, ela está dizendo que o cara não tinha pegada suficiente para ela. O que ela queria? Ela queria demonstrações exageradas, teatrais, performáticas de desejo sexual por ela, pois ela percebe o homem atual como indigno de um relacionamento com ela.

Por isso, ela exige intensas compensações do homem para a frustração de estar com ele! Além disso, a pegada do beta precisa ocorrer num contexto fetichista, num contexto de viagens, presentes caros e aventura!

Para uma mulher, renunciar sonhos com homens mais ricos e bonitos só é possível se o beta compensar as limitações dele com demonstrações exageradas de desejo sexual por ela e inúmeras outras compensações, caso o contrário, ela vai trair ou largar o cara com as seguintes desculpas:
“Eu não era desejada!”
“Ele não me amava de verdade!”
“Ele não me valorizava!”

Quanto mais a mulher envelhece, mais ela enjoa das limitações do homem. Por isso, a maioria dos divórcios ocorrem quando as mulheres possui mais de 40 anos, pois nesse período, os homens estão mais acomodados e ignoram algumas das muitas compensações que as mulheres exigem deles!

Nessa fase as exigências de pegada da mulher aumentam! Elas podem envelhecer, mas se sentem jovens! Então cadê a pegada? – Elas perguntam. Elas se separam, pois se sentem novas e atraentes, por mais que não sejam. O ego feminino não diminui, nem envelhece. Apenas o corpo feminino envelhece!

As mulheres se cansam do sexo, pois querem manifestações teatrais e performáticas de desejo sexual do homem na medida em que os anos passam. O sexo, tradicional, as posições comuns, tudo começa a entediar a mulher! Então, ela “enjoa” do homem, pois o mesmo não vale mais esse sacrifício! Elas querem sexo cada vez mais fetichista, com viagens, com glamour. Sem fetiches e surpresas, elas passam a detestar o sexo e o homem (beta).

As mulheres só toleram frustrações sexuais ao lado dos alfas, pois a competição feminina mantém o tesão delas por eles vivo. O que dá tesão à mulher é a ilusão de vencer competições dificílimas com as outras mulheres por um homem. O medo de perder o alfa e a angústia resultante desse processo são extremamente interessantes para as mulheres. As mulheres amam a angústia e o medo de perder um homem. Elas se sentem felizes e realizadas com essa angústia!

Depois de muitos anos de casamento, a falta de pegada do marido beta bonzinho é sinônimo de traição ou divórcio! Portanto, dentro de um relacionamento, o beta precisa afirmar para a mulher, o alto valor que ela tem através da pegada e de outras compensações, pois se ele não fizer isso, ele será traído ou abandonado certamente!


XI – CONCLUSÃO

A mulher de hoje não aceita relacionamentos com homens limitados durante muito tempo. Logo, o desejo intenso delas por auto-afirmação através do exercício de dominação de alfas se torna mais forte. E elas abandonam ou traem os maridos e namorados com a ilusão de serem capazes de prender homens mais “dignos” do amor delas!

Há como fugir disso? Atualmente não! O homem não tem pra onde correr. Ou ele é muito bonito e rico, ou ele terá obrigatoriamente que ter “pegada” no relacionamento. Pois a cultura atual só está aumentando o nível de exigência das mulheres. Não sei aonde isso vai parar, mas é possível no futuro, que a pegada seja o mínimo. Certamente elas criarão muitas outras compensações, pois o beta do futuro será praticamente um escravo da mulher.

A pegada do beta também não é tolerada em qualquer situação! Enquanto a pegada do alfa é tolerada bastante num relacionamento e fora dele, a pegada do beta sofre muitas restrições! Nas festas e baladas, as mulheres não gostam que os betas toquem nelas. Se um feio baixinho toca numa patricinha, ela reclama com cara de raiva: “Por favor, dá pra falar comigo sem me tocar?!”

Mas se o alfa aperta a cintura de uma dessas meninas, elas reagem com alegria e pedem por mais apertões através de risos de aprovação! Nesse caso, elas ficam mudas, felizes e cheias de risinhos!

Essa é a diferença. A pegada do beta é aceitável depois que ele criou todo um clima, pagou várias coisas, gastou muito dinheiro, levou a menina pra passear, bancou caprichos e realizou vários sonhos femininos! Mesmo assim, em muitos casos, a mulher faz o beta de “pagador de contas”. O mesmo fica deprimido e se sente o ser mais desvalorizado do mundo. As mulheres freqüentemente fazem os betas gastar muito dinheiro com elas e depois reprimem a pegada deles, fazendo os mesmos se sentirem insignificantes! Os mesmos acham essa mulher muito “difícil” e passam a valorizá-la. Será que eles não sabem, que as mesmas que os desprezaram, se entregam em poucas horas para homens bonitões e malandros?

A pegada do beta também é aceitável, após uma simulação de “alfismo”. Ou seja, o beta, através de uma série de posturas, simula uma vida, um poder que ele não tem e por ser uma simulação de alfa, a mulher tolera a pegada dele! A mulher nesse caso, permite a pegada de um beta, por estar sendo enganada e por acreditar que o beta em questão seja um alfa.

Há inúmeros casos desse tipo na internet, casos de caras que se fingem de ricos pra transar com as mulheres. E eles são bem sucedidos nesse propósito, pois as mulheres os deixam fazer tudo, achando que eles são alfas! Esses casos provam que os instintos femininos são errantes e que as mulheres se atraem cegamente pelo “poder” do homem!

Dentro de um relacionamento, a pegada do beta não é somente tolerada, mas exigida! Ou seja, se você está namorando ou casado com uma mulher, ela vai exigir que você a pegue com força e demonstre muito desejo sexual através de um comportamento sexual bastante exagerado e performático.

Você não tem escolha, ou você é um alfa e controla, ou você é um beta e terá que impressionar a mulher com uma intensa pegada! O beta que acha que é alfa e dispensa a “função pegada” será desprezado automaticamente pela mulher!

O homem atual não tem muita escolha. Não adianta ele simular um poder que ele não tem. Isso pode dar certo durante algum tempo, mas não durante a vida toda! E se ele tentar barganhar com a mulher, sem ter poder, a mulher sempre ganhará, pois a mesma é astuta e sabe quando um homem é limitado!

O beta terá que compensar as limitações dele com muitas dinâmicas. O próprio Nessahan Alita escreveu para os betas com essa intenção! Na obra de Nessahan Alita, há sim, exemplos de pegada. Ele fala isso bem claro nos seus livros, quando ele fala de sexo, por exemplo. Ele não usa o termo pegada, mas a dinâmica que ele expressa sobre o tipo de sexo que impressiona a mulher, pode ser vista como uma forma de "pegada" sim!

A mulher não quer o amor do homem, mas o desejo sexual dele. A mulher usa o amor do homem apenas pra mantê-lo preso, mas jamais o recompensará com carinho e sexo de qualidade! Em outras palavras, o amor do homem entendia a mulher. O desejo sexual a diverte!

As mulheres de hoje são carentes e exigentes demais. A carência está no fato de que elas querem muito mais do que os homens podem oferecer! Se o beta não tiver pegada, a mulher não se sentirá amada. Para que uma mulher se sinta amada ao lado de um beta, ele precisará demonstrar desejo por ela num nível muito grande. Caso o contrário, a mesma achará o relacionamento desvantajoso e insuportável. A mulher não é capaz de amar homens mais limitados do que ela. A exigência de pegada é isso: A pegada é a tentativa de tornar aceitável um homem que inicialmente a mulher é incapaz de amar.


Fonte: http://questionandofeminino.blogspot.com

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que essas vadias de hoje em dia querem dizer com "PEGADA"

Mensagem por Convidad em Dom Abr 24, 2011 8:44 pm

Putz, vou levar uns 3 dias pra ler isso aí...

D:

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que essas vadias de hoje em dia querem dizer com "PEGADA"

Mensagem por Convidad em Dom Abr 24, 2011 8:51 pm

A mulher não gosta do homem em si, mas daquilo que ele oferece a ela em termos de diversão e entretenimento. Pois as mulheres pensam que a principal função do homem é proporcionar prazer psicológico e satisfazer as necessidades das mesmas!

Simplesmente fodástico.

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que essas vadias de hoje em dia querem dizer com "PEGADA"

Mensagem por Convidad em Dom Abr 24, 2011 9:25 pm

Dark Avenger escreveu:Putz, vou levar uns 3 dias pra ler isso aí...

D:


Comece lendo o item 2

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que essas vadias de hoje em dia querem dizer com "PEGADA"

Mensagem por jaf em Seg Abr 25, 2011 11:32 pm

Foda ler isso ai heim, resume ai.
avatar
jaf

Mensagens : 37
Data de inscrição : 29/11/2010
Idade : 31

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que essas vadias de hoje em dia querem dizer com "PEGADA"

Mensagem por Convidad em Ter Abr 26, 2011 1:48 pm

II - O QUE AS BRASILEIRAS PRETENDEM QUANDO EXIGEM A “PEGADA”?

A idéia de pegada representa para as mulheres: diversão, entretenimento e a afirmação do valor da mulher através da sua valorização “exagerada”! Ou seja, a mulher exige a pegada do homem porque ela se sente entretida e valorizada por esse comportamento, uma vez que a pegada é a demonstração de desejo sexual masculino num nível acima do normal e isso demonstra que a mulher é mais desejada e atraente do que as outras mulheres! Não somente isso, a pegada é uma demonstração do poder feminino, pois demonstra que a mulher usa o homem na direção que ela quer e que o controla sexualmente!

A mulher exige pegada do homem, porque quer provas de que ela é atraente, gostosa e desejável. Ela também faz isso para provar o quanto é capaz de reivindicar dos homens caprichos e mimos. O sucesso nessa reivindicação demonstra o valor dela e o poder de barganha dela!

Numa cultura onde as mulheres reivindicam “pegada” dos homens, elas estão afirmando a seguinte coisa :

Nós exigimos pegada de vocês, pois os controlamos sexualmente e queremos que vocês saciem nossas vaidades!

Os homens que acham essa cultura da “pegada” legal e divertida, na verdade estão apoiando o complexo de superioridade das mulheres brasileiras e estão “alimentando” o ego dessas mulheres! A idéia de pegada foi criada pra agradar exclusivamente a mulher! Em nenhum momento, elas estão reivindicando a pegada dos homens para agradar os homens !

Ta ai o que eu achei mais foda neste texto .

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que essas vadias de hoje em dia querem dizer com "PEGADA"

Mensagem por Gats em Ter Abr 26, 2011 4:07 pm

A pegada é apenas uma das muitas compensações para as limitações dos betas, que as mulheres exigem, mas além disso, elas exigem muitas outras coisas. Os relacionamentos hoje em dia terminam por esse motivo. A mulher se cansa das limitações do namorado ou do marido e simplesmente termina. Outras dizem que traíram ou largaram o marido, porque não se sentiam desejadas e amadas!

O amor feminino é atualmente ansiedade de “lucros” e vantagens. Se um beta não compensa de alguma forma as limitações dele, jamais a mulher que está com ele se sentirá amada! As mulheres jamais se sentirão amadas e desejadas em relacionamentos que elas acham desvantajosos! Além disso, elas acham que possuem valor demais e que a maioria dos homens não estão à altura desse valor!

Quando a mulher diz que traiu ou largou o homem, porque não era desejada, ela está dizendo que o cara não tinha pegada suficiente para ela. O que ela queria? Ela queria demonstrações exageradas, teatrais, performáticas de desejo sexual por ela, pois ela percebe o homem atual como indigno de um relacionamento com ela.

Por isso, ela exige intensas compensações do homem para a frustração de estar com ele! Além disso, a pegada do beta precisa ocorrer num contexto fetichista, num contexto de viagens, presentes caros e aventura!

É isso ai mesmo...quem é o autor?

avatar
Gats

Mensagens : 32
Data de inscrição : 16/10/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que essas vadias de hoje em dia querem dizer com "PEGADA"

Mensagem por Convidad em Ter Abr 26, 2011 4:55 pm

Gats, acredito que seja do pessoal do blog mesmo : http://questionandofeminino.blogspot.com

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que essas vadias de hoje em dia querem dizer com "PEGADA"

Mensagem por lucastl em Ter Abr 26, 2011 5:47 pm

Pegada nada mais é do que um conjunto de coisas que no fundo não significam porra nenhuma... Rolling Eyes
avatar
lucastl

Mensagens : 91
Data de inscrição : 12/11/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que essas vadias de hoje em dia querem dizer com "PEGADA"

Mensagem por Dr. Mandrake em Ter Abr 26, 2011 8:58 pm

TEXTO ÉPICO.
avatar
Dr. Mandrake

Mensagens : 554
Data de inscrição : 18/10/2010
Idade : 35
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que essas vadias de hoje em dia querem dizer com "PEGADA"

Mensagem por Speed Racer em Sex Abr 29, 2011 12:24 pm

Dr. Mandrake escreveu:TEXTO ÉPICO.

Concordo, texto muito bem escrito e elaborado, meteu a real.
avatar
Speed Racer

Mensagens : 82
Data de inscrição : 14/10/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que essas vadias de hoje em dia querem dizer com "PEGADA"

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum